Notícias

Teoria e prática na disciplina de Health no Colégio Cassiano Ricardo

“Considerando o mês de maio como mês de incentivo às atividades físicas, aproveitamos o currículo de Health para levar nossos alunos para um dia de interação e atividades lúdicas e esportivas. Após um momento de conversa sobre a importância da alimentação equilibrada e da prática de exercícios físicos, os alunos se prepararam para as atividades,” relatou Denise Ormond, Coordenadora do High School no Cassiano Ricardo (São José dos Campos, SP)

“Os professores explicaram algumas técnicas do futebol americano e foi o suficiente para que os alunos mostrassem grande interesse no esporte. Depois, os alunos Sophomores e alguns Seniors enfrentaram os Freshmen (novatos) numa releitura do Dodgebol. A bola, porém, ficou por conta de balões de água, que garantiram a diversão e muitas risadas,” disse Denise.

“Ver a interação dos grupos e o interesse dos alunos nas atividades fez dessa aula ao ar livre mais um momento produtivo e inesquecível do nosso High School,” concluiu Denise.

Grupo de alunos do High School, Coordenadora Denise e professor Todd
Hora do lanche
Hora do jogo
Hora da queimada com balões de água
A Coordenadora Denise Ormond e o professor Todd com os alunos
Alunos aprendendo a jogar futebol americano
Alunos jogam sem medo de se molhar
Cheerleaders em ação
Cheerleaders
Sorvete depois do jogo

Coleguium Internacional é destaque no Jornal do Estado de Minas

A vontade de estudar no exterior é uma realidade cada vez próxima para os estudantes brasileiros. As escolas de Belo Horizonte estão sintonizadas com esta tendência e levam a opção de certificação internacional aos alunos sem ter que sair do Brasil.

O Coleguium (Belo Horizonte, MG), tem parceria com a HSE e a University of Missouri, oferecendo o High School em suas duas unidades (Belvedere e Buritis).

Leia a matéria completa: https://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2018/05/12/interna_gerais,958191/escolas-de-bh-apostam-em-programas-de-high-school.shtml

Middle School do Uirapuru visita Educandário em projeto de Direitos Humanos

Como parte do estudo de Direitos Humanos, os alunos do Middle School no Colégio Uirapuru (Sorocaba, SP) visitaram o Educandário Santo Agostinho para aprender e discutir sobre a Declaração Universal dos Direitos Humanos.

Os alunos levaram 108 kg de alimentos arrecadados durante o mês de abril com o Evento Food Drive. A coordenadora do Educandário, Ana Camila, recebeu os alunos e a arrecadação com grande alegria. Ela respondeu às perguntas dos alunos sobre como o local funciona, quais atividades são realizadas e como é o dia-a-dia do projeto que atende 226 crianças selecionadas pelo cadastro da Prefeitura Municipal de Sorocaba.

“Esse tipo de visita traz muita troca, há uma interação no olhar. As crianças conseguem trazer muito afeto para nossos pequenos. Tenho certeza que para eles também é muito importante conhecer uma outra realidade”, disse Ana Camila.

Os alunos ainda fizeram uma atividade de mímica com ações que auxiliam a cuidar do meio ambiente, leram o livro “The Earth Book”, e finalizaram com desenhos do planeta.

Alunos do Middle School do Uirapuru
Alunos do Middle School no Educandário
Interação dos alunos do Middle School com as crianças do Educandário
Atividade em grupo
Atividade em grupo
Leitura do livro “ The Earth Book”

“Watersheds” no Middle School do Pio XII

Uma das questões mais importantes a ser discutida por futuros líderes é a disponibilidade de água potável. Desta forma, os alunos do 7° ano do Middle School no Colégio Franciscano Pio XII (São Paulo, SP) fizeram uma atividade sobre as bacias hidrográficas com a orientação das professoras Amanda Ferraz e Anabel Brito.

“Qual é a melhor maneira de se transformar alunos do Ensino Fundamental em líderes globais? Educando-os sobre o mundo em que vivem e seus maiores problemas. E qual é a melhor forma de se aprender sobre bacias hidrográficas? Faça uma você mesmo!”, relatou a professora Amanda sobre o objetivo da atividade.

“Acompanhe as fotos de nossa última aula, que teve pitadas de arte e geografia neste divertido experimento desenvolvido no intuito de aumentar a conscientização de nossos alunos sobre bacias hidrográficas,” disse Heloísa Parciasepe, Coordenadora do Middle School e High School no Pio XII.

Trabalho em grupo das alunas do Middle School do Pio XII
Alunos do Middle School trabalhando em dupla
Alunas Middle School em atividade
Alunos Middle School
Alunas Middle School Pio XII
Alunas em atividade do Middle School
Trabalho em grupo: bacias hidrográficas
Trabalho em grupo
Atividade sobre a água
Alunas do Middle School em atividade sobre as bacias hidrográficas
Resultado do trabalho em grupo
Resultado do trabalho em grupo

Entrega do diploma no Jean Piaget Middle School

Os alunos que cursaram o 8º ano do Middle School Global Leaders no Colégio Jean Piaget (Santos, SP) em 2017 receberam os certificados de conclusão em um evento especial, organizado pela Coordenadora Graciela Turco e pelas professoras Jane Webster e Paula Rajabally.

“Esta turma, com 18 alunos, é chamada de Jean Piaget Internacional: um grupo com uma carga horária maior de inglês, desde o 6° ano. Hoje, todos fazem o High School,” disse Graciela.

“O programa Middle School Global Leaders está inserido nesse programa internacional. Além de aulas em inglês, eles também estudam espanhol e alemão,” concluiu Graciela.

Conferência sobre mudanças climáticas no Magno High School

O High School do Colégio Magno (São Paulo, SP) participou de discussões no Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), no Canadá. Com foco em temas mundiais, foram sugeridas soluções aos problemas de mudança climática em todo o mundo.

O estudo teve início com uma pesquisa sobre a opinião dos jovens brasileiros sobre as mudanças climáticas. Nas discussões sobre como essas mudanças afetam a população, investigou-se o papel dos jovens, das escolas e do estado, a “pegada ecológica” e sugestões para a solução desses dilemas.

Para participar e apresentar as propostas do Magno High School, a Coordenadora Luiza Dutra e o aluno Pedro Lomando Rocha viajaram para Edmonton, no Canadá. Lá, participaram de discussões a respeito de medidas de prevenção do aquecimento global ao redor do mundo e a participação dos jovens.

Pedro falou a respeito em seu discurso na abertura do Painel: “Quando falamos sobre mudanças climáticas, não estamos falando sobre problemas simples que enfrentamos todos os dias. Estamos falando da nossa continuidade no planeta”.

Trabalho voluntário dos alunos do Middle School no Mackenzie Brasília

Os alunos do 8° ano do Middle School no Colégio Presbiteriano Mackenzie Brasília (Brasília, DF) fizeram um projeto sobre Direitos Humanos e criaram uma campanha de doação de alimentos. Eles desenharam cartazes para anunciar o projeto para os alunos da escola e divulgaram as informações nas salas de aula com panfleto criados por eles mesmos.

Após a arrecadação dos materiais, incluindo fraldas geriátricas e alimentos não-perecíveis, as doações foram levadas para a Vila do Pequenino Jesus, uma casa de acolhimento para crianças, adolescentes e adultos. Na visita à instituição, os alunos aprenderam sobre as condições de saúde e dificuldades, e, para descontrair, jogaram dominó com eles.

“Overall, it was a great success for the students and the Vila residents, and some valuable lessons were learned!” comentou o professor Mr. Daniel Rabbers.

A Coordenadora do Middle School na University of Missouri, Katherine Sasser, falou sobre a satisfação em trabalhar com alunos agentes de mudança em suas comunidades. “I feel proud of and grateful to all the schools and students. They are doing world changing work. My hope is that these experiences will spark something in the students that they want to explore more in the future.”

Novas turmas no MSGL do Colégio Jean Piaget

A nova turma do 7° ano do Middle School Global Leaders (MSGL) do Colégio Jean Piaget (Santos, SP) tem aulas com a professora Jane Webster. Eles estão iniciando um ano de experiências, aprendizado e diversão em um ambiente de imersão na língua inglesa e discutindo temas globais e locais.

“O programa, em parceria com a University of Missouri e HSE, trabalha os problemas mundiais definidos pela ONU (meio ambiente, saúde, direitos humanos, entre outros), propondo soluções para melhorar o mundo em que vivemos. Isto, através da abordagem STEAM (Science, Technology, Engineering, Arts e Mathematics), o que enriquece muito o conteúdo das aulas,” disse Graciela Turco, Coordenadora no Jean Piaget.

A turma do 8º ano do MSGL, com o professor Talmadge Anderson, reflete este ano sobre soluções para promover as mudanças que desejam ver no mundo.

“Trabalho em grupo, leitura, pesquisa e muita reflexão fazem parte do programa. Os alunos gostaram da proposta e fazem o seu melhor a cada aula”, conclui Graciela.

Alunos do 7° ano do MSGL do Colégio Jean Piaget
Alunos do 8° ano do MSGL no Colégio Jean Piaget

Exposição de fotos do MSGL no Da Vinci: “Somos todos iguais?”

Os conceitos de Direitos Humanos são discutidos na primeira unidade do programa Middle School Global Leaders do Centro Educacional Leonardo da Vinci (Vitória, ES). Com o auxílio do professor Mr. Kieron Jones, os alunos do 8° ano debateram o significado do ser humano para chegarem à reflexão e à definição de Direitos Humanos.

O resultado foi o projeto “Inside Out”, inspirado no trabalho homônimo do artista francês JR no qual os alunos fotografaram diferentes pessoas. Cada foto contém um texto sobre como cada uma dessas pessoas podem ser agentes de mudança em suas comunidades.

“Just like JR, we wanted to mix pictures of our local community (ourselves) with different faces from around the world to provoke discussion on what it means to be ‘equal’ and ‘free’”, disse Mr. Jones.

As fotos estão expostas no corredor do Da Vinci para estimular a reflexão: “Somos todos iguais?”

“As the great Shakespeare once said, “All the world’s a stage, and all the men and women merely players”, concluiu Mr. Jones.

Alunos do High School na FourC participam de Simulação da ONU em Nova Iorque

Foi bastante tempo de preparação até o momento que os alunos da FourC Bilingual School (Bauru, SP) embarcassem para Nova Iorque para a simulação da Conferência da ONU, a UN Model 2018. No evento, que aconteceu em fevereiro de 2018, os alunos participaram de palestras, representaram um país, interagiram com alunos de diversas nacionalidades e desempenharam o papel de verdadeiros delegados da ONU.

“A Simulação da ONU é um programa de Formação de Líderes. Este ano fomos com 8 alunos, sendo 7 do High School, e representamos as Ilhas Fiji. Durante a preparação, trabalhamos habilidades de negociação, oratória e resolução de problemas. Tivemos palestras com a Coordenadora de Relações Internacionais da USC e com o Luizio Rocha, que faz parte do Comitê da Juventude de Mudanças Climáticas da ONU.

Nosso alunos puderam conhecer alunos de mais de 70 países e trocar ideias, debater e chegar a resoluções aos problemas apresentados,” relatou Roberta Mayumi, Coordenadora do High School na FourC.

“Durante a preparação, nossos professores deram apoio às pesquisas e os alunos terminaram os Position Papers na férias. Foi uma experiência muito enriquecedora, tanto na parte acadêmica quanto em relação ao conhecimento de mundo e empatia, colocar-se no lugar do outro e desenvolver a liderança,” concluiu Roberta.

Alunos da FourC selecionados para a Conferência
Representando as Ilhas Fiji
Alunos na NHS, em Nova York.
Um passeio pela cidade de Nova Iorque: alunos e Roberta Mayumi
Alunos da FourC na Conferência
Alunos e Roberta Mayumi
Alunos e Roberta Mayumi
Debate e interação com alunos de outras nacionalidades
Trabalho em equipe